INSS realiza perícias online 
Cancelar

 

INSS realiza perícias online

Durante o período de pandemia do novo coronavírus, as perícias do INSS serão feitas online. A medida, que tem por objetivo garantir o atendimento ao segurado foi publicada nesta segunda-feira, 20 de abril, no Diário Oficial da União.

INSS realiza perícias online

Durante o período de pandemia do novo coronavírus, as perícias do INSS serão feitas online. A medida, que tem por objetivo garantir o atendimento ao segurado foi publicada nesta segunda-feira, 20 de abril, no Diário Oficial da União. Desta forma, o atendimento presencial nas agências está suspenso. 

A diretora de Saúde e Condições de Trabalho do Sintraf, Taiomara Neto de Paula, relata que entende as dificuldades provocadas pelo momento de pandemia, que exige o distanciamento social para preservar vidas. Entretanto, por outro lado, a seguridade é um serviço fundamental, e necessita de alternativas para manter o seu funcionamento. ?Precisamos seguir as orientações da Organização Mundial de Saúde (OMS) e fazer o isolamento social. Mas o INSS é um serviço essencial à população, pois muitos trabalhadores adoecidos necessitam da realização das perícias médicas para requerer o auxílio doença. E quando elas não são realizadas ou prorrogadas, o pagamento do auxílio doença, não é efetuado, com isso  traz muito transtornos em um momento em que o trabalhador já se encontra fragilizado e adoecido. Desde o fechamento das agências da previdência por conta da Covid-19, muitos trabalhadores ficaram sem notícias dos procedimentos que o INSS adotaria para a realização das perícias. E com os bancários isso não foi diferente, pois somos uma categoria onde o adoecimento psíquico só aumenta? comenta, Taiomara.
Segundo ela, nos canais disponibilizados pelo INSS que seria, o site e o telefone 135 não está sendo possível obter informações precisas. ?Foram várias demandas, tivemos muitas tentativas em solucionar. Muitos protocolos registrados na ouvidoria do INSS. E hoje tivemos notícias de como será feito a perícia online?, afirma.

Assim, os trabalhadores que necessitarem do auxílio-doença deverão realizar a solicitação através do site ou pelo aplicativo ?Meu INSS? e anexar o atestado médico que pede o afastamento. Se o atestado estiver dentro das regras estabelecidas pelo instituto, o trabalhador recebe um adiantamento de R$ 1.045. Este valor será pago a título de antecipação, sendo a perícia realizada posteriormente, e quem tiver direito a um benefício maior, terá a diferença paga quando retomar a perícia presencial.
Na última quarta-feira, 15, o Instituto já havia anunciado que irá continuar pagando o auxílio-doença de quem já recebe o benefício e tinha perícia médica marcada para renová-lo este mês. Com isso, os pedidos serão prorrogados automaticamente sem necessidade de comprovação. A princípio, as agências permanecerão fechadas até dia 30 de abril, entretanto, o período pode ser prorrogado caso a pandemia perdure. Assim, se o trabalhador tiver um agendamento a partir de maio e as agências continuarem fechadas, a prorrogação também será feita automaticamente. Para o trabalhador que teve o benefício cortado durante a pandemia, o auxílio também será reativado automaticamente.

Confira o passo a passo pelo site:
Para quem já possui senha no ?Meu INSS?
- Acesse o site Meu INSS, e clique em "Entrar". Informe o CPF e a senha cadastrada.
 
- Na página inicial, clique em "Agendar Perícia?
 
Para quem não tem senha no ?Meu INSS?, acesse o site e em "Serviços sem senha", clique em "Agendar Perícia 
- Será preciso informar nome completo, CPF e data de nascimento. Clique em "Não sou um robô" e em "Continuar?
 
Pelo app ?Meu INSS?:
- É preciso baixar o aplicativo Meu INSS, disponível para Android e iOS. Nesse caso, é preciso senha. Se já tiver, clique em "Entrar". Caso contrário, escolha "Cadastrar Senha?
  - Após fazer o login, clique em "Agendar Perícia?
 
Clique em "Perícia Inicial" e, depois, em "Selecionar?
 
- O sistema perguntará se você tem atestado médico. Selecione "Sim", depois "Continuar?. O site informará os dados de uma portaria do INSS. Clique em "Avançar
- Preencha seus contatos
 
- Depois, será necessário anexar um documento de identificação com foto e o atestado médico, clicando no sinal de + ao lado direito.
 
- Após anexar a cópia do documento de identificação e do atestado médico, clique em "Avançar.
Na tela seguinte, escolha uma agência do INSS agência próxima de sua casa e clique em "Avançar". Essa agência é a que vai manter o seu benefício.
- Selecione o local em que deseja receber o pagamento. Dá para fazer a pesquisa por bairro.
- Na próxima página, confira seus dados e se a agência e o local de pagamento estão certos. Clique em "Declaro que li e concordo com as informações acima". Vá em "Avançar.
- Pronto. O pedido foi enviado e será analisado. Se quiser, o segurado pode gerar um comprovante.